Skip to content
22/09/2010 / vidaminimalista

O que podemos aprender com Gandhi!

Nada tem significado excepto o significado que lhe atribuímos


Nada tem significado excepto o significado que lhe atribuímos


Gandhi é, ainda hoje, o exemplo máximo do que significa viver com simplicidade.

Gandhi é, ainda hoje, o exemplo máximo do que significa viver com simplicidade.

E o que podemos nós, comuns mortais, aprender com este líder espiritual que marcou a nossa civilização?

Gandhi praticou a simplicidade e o minimalismo em todas as áreas da sua vida e deixou-nos um precioso legado sobre esta matéria.

Quando morreu, tinha em sua posse menos de 10 objectos, incluindo um relógio, óculos, sandálias e uma tigela para as refeições.

“Podes em muitas ocasiões possuir ou utilizar coisas materiais, mas o segredo da vida consiste em nunca sentires falta delas” Gandhi

Na verdade, Gandhi nasceu no seio de uma família próspera e teve um início de vida muito promissor, onde não faltou uma prestigiada educação em Inglaterra, numa altura em as viagens entre um país e outro levavam meses, por mar, tendo estudado Direito, na University College, em Londres.

Mas embora tenha nascido com riqueza, acabou por doar tudo e durante a sua vida libertou-se das amarras materiais, tendo sempre seguido uma vida de simplicidade.

Quais as principais lições que podemos retirar sobre a sua forma de viver com simplicidade?

1. Acumule pouco

Gandhi acreditava que, com excepção das roupas que vestia e de alguns utensílios para cozinhar e comer, o ser humano devia possuir poucos bens materiais. Tinha ainda por hábito doar os presentes e ofertas que recebia.

Obviamente que nos dias que correm não nos passa pela cabeça possuir apenas 10 objectos, como fez Gandhi, mas podemos começar a desfazer-nos de alguns bens que apenas ocupam espaço, tempo ou energia. Podemos começar por reciclar e oferecer e doar objectos nossos.

Faça uma lista de tudo que possui (quantas camisolas, quantas malas, quantas mantas…?) e tente reduzi-la para metade….

Gastamos muita energia a cuidar das nossas coisas. Tendo menos objectos e bens para possuir e cuidar, a sua vida vai tornar-se naturalmente mais simples.

2. Coma com simplicidade

Gandhi nunca teve problemas de excesso de peso, tendo seguido uma rigorosa dieta vegetariana, e muitas vezes cozinhando as suas próprias refeições.

Gandhi alimentava-se com simplicidade e comia de uma pequena tigela, que lhe permitia que comesse moderadamente. Para além disso, comia com atenção a tudo o que fazia e muitas vezes acompanhado de preces.

Coma simples e moderadamente. O seu corpo agradece e, a longo prazo, a sua mente também…

3. Vista-se com simplicidade

Gandhi vestia roupas simples que testemunhavam, na prática, a sua mensagem.

Segundo uma história amplamente contada, quando Gandhi conheceu o Rei da Grã-Bretanha, em Londres, tinha apenas um pano a envolvê-lo. Uma jornalista perguntou-lhe: “Sr. Gandhi, sentiu-se com pouca roupa quando conheceu o rei?”. Gandhi respondeu: “O rei estava a usar roupas pelos dois”.

Embora não seja prático usarmos tão poucas roupas, podemos simplificar a nossa vida, vestindo-nos pelo conforto e não para impressionar.

4. Viva uma vida simples e sem stress

Gandhi nunca entrava em stress. Ele meditava diariamente e passava horas em reflexão e orações.

Embora fosse um líder mundial idolatrado por muitos, continuava a levar uma vida simples com poucas distracções e compromissos. E embora pudesse ter alguém que satisfizesse todas as suas necessidades, insistia em fazer as suas coisas, defendendo que devemos ser auto-suficientes, para não depender tanto de tudo o que nos é exterior.

Siga o seu exemplo e não leve a vida tão a sério!

5. Deixe a sua vida ser a sua mensagem

Embora fosse um escritor conceituado e um poderoso orador, em privado, Gandhi falava muito calmamente e apenas quando necessário. Era também muito directo e conciso na sua escrita.

Na verdade, preferia deixar a sua vida falar por ele.

Vivendo uma vida simples, Gandhi podia dedicar a sua vida a propósitos maiores e focar-se no compromisso para com o seu povo e com o mundo.

Mesmo que não deseje ser outro Gandhi, a vida que este homem grande e simples levou pode ajudá-lo a perceber que há formas mais simples, despretensiosas e felizes de viver.

Experimente comece a viver uma vida mais simples, a partir de hoje, e vai perder menos tempo e menos energia com bens supérfluos, tendo espaço para criar a vida que realmente deseja para si e uma vida que pode inspirara outros.

Reflicta: De que forma, a sua vida é um testemunho da mensagem que deseja transmitir ao mundo?

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: